Dra. Dalva de Assis

Em quais das suas viagens de trabalho você sentiu mais animada e a que você ficou mais triste por ver aquela situação?
Tive muitas viagens interessante, mas vou citar uma que durante a investigação nós conseguimos identificar uma possível forma de transmissão do vírus da vacina da febre amarela, por meio do aleitamento materno, quando a mãe toma a vacina no mesmo período que ela teve um bebê e continua dando amamentando. E por isso foram feitas novas recomendações sobre o uso da vacina durante a amamentação o que possivelmente possibilitou evitar casos de doenças neurológicas e viscerais bem como a de sequelas possivelmente causadas pelo vírus vacinal.
Uma viagem muito triste foi quando eu estive na África em uma região que havia sido devastada por um ciclone. E aí a população tinha ficado sem casa, água, luz e etc… além do surgimento de muitas doenças que são transmitidas principalmente por falta de saneamento básico.

O que é epidemiologia? qual o seu objetivo?
E a ciência que estuda o processo saúde doença em coletividades humanas, analisando a distribuição e os fatores que determinam a ocorrência das doenças, danos à saúde e eventos associados à saúde coletiva, propondo medidas específicas de prevenção, controle ou erradicação de doenças e fornecendo indicadores que sirvam de suporte ao planejamento, administração e avaliação das ações de saúde.
O objetivo principal da Epidemiologia é cuidar da saúde coletiva, ou seja, da população como um todo.

A senhora já foi fazer pesquisas em outros países?
Sim, Argentina, Bolívia, Paraguai, Peru, Colômbia, Brasil, Moçambique e Angola, esses dois na África.

Há algum risco na vacina HPV?
Todos as vacinas podem ter eventos adversos, no entanto eles são raríssimos, e o beneficio de tomar a vacina e muito maior comparado a um possível evento causado pelo uso da vacina. Então o melhor e se vacinar. Caso tenha duvida você pode buscar um médico em uma Unidade Básica de Saúde (pediatra e tirar mais dúvidas sobre a Vacina do HPV) ou uma enfermeira na Sala de Vacina.

Eu perguntaria pra Dalva como ela consegue trabalhar com situações e doenças, tão difíceis e cruéis?
Vocês Meninas, vão ver que, quando fazemos o que gostamos, mesmo nas piores situações ou cenários difíceis, de guerra, desastre natura e etc., e possível trabalhar muito bem e com amor. Fazer o que gosta é o melhor para conseguirmos sempre fazer um trabalho com amor.

Há alguma chance, no futuro, de ser realizados procedimentos para encontrar a cura de outras doenças epidemiológicas?
Sim, sempre. Temos grupos de pesquisadores trabalhando todos os dias para encontrar a cura para doenças que afligem nossa população. Também podemos citar os tratamentos que diminuem as consequências de muitas doenças ou até mesmo os que melhoram a qualidade de vida dos que possuem alguma doença, por exemplo dos diabéticos que fazem uso da insulina.

Como é trabalhar com o Covid-19?
E ter a oportunidade de ser útil para sociedade e estar vivendo uma experiência incrível. Como eu disse na roda de conversa, ser epidemiologista em tempos de epidemia é uma forma ser útil e ao mesmo tempo de aprender com uma doença como essa.

A questão das políticas públicas interfere na saúde pública?
Sim e muito! Pois as politicas publicas devem ser direcionadas para o bem comum da sociedade. Os governantes e tomadores de decisões devem legislar e agir de acordo ao que nós epidemiologista e demais pesquisadores produzimos de dados, informações e conhecimento para que toda a população possa usufruir de um sistema único de saúde que aporte resposta às necessidades de cada indivíduo.

Qual é a sensação de descobrir algo novo?
É maravilhoso, pois você sabe que aquilo vai ajudar a resolver um problema e as pessoas irão adoecer menos ou evitar ter um problema.

Queria saber como conseguem ser tão incríveis???? Somos pessoas normais, somente escolhemos uma área que gostamos e nos dedicamos para sermos úteis ao planeta.

Qual é a sensação de ajudar pessoas com descobertas? E como se ganhássemos um grande presente, pois você sabe que aquilo que está fazendo, poderá melhorar a vida de alguém que você nem conhece.

Como surge uma doença? Existem inúmeros tipos de doenças, mas em geral, as doenças surgem quando há um processo de desequilíbrio entre o indivíduo, o ambiente e o patógeno – agente causador da doença.

Mas isso acontece apenas com a vacina da Febre Amarela? E poderia tomar a vacina e dar outro leite?? Isso pode acontecer com outros vírus também. Se analisaria e dependendo da necessidade se espera o tempo de amamentação para depois ser vacinada.

queria saber se existe algum lugar com todas as amostras de doenças, e quem trabalha neste lugar, trabalhando em novos remédios e curas qual seria a profissão? Sim existe sim, são os laboratórios com alta biossegurança, onde guardam amostras de vírus, bactérias e etc, das doenças mais graves e que poderiam ressurgir no futuro. A profissão desses profissionais são em geral cientistas na área de ciências biológicas e da saúde em geral. 

Como vocês ajudam em desastres naturais como o ciclone Keneth. O que vocês fazem depois de chegar no país? Nesta ajuda trabalhei na contenção de surto de cólera (muita diarreia causada por água contaminada) que é muito comum após desastres naturais em locais onde não tem boas condições de saneamento básico.

Qual a base para achar uma vacina para um tipo de vírus? Conhecer como o corpo humano produz anticorpos contra aqueles vírus, depois focar nisso e desenvolver um vírus daquela doença “mais fraquinho” para estimular o corpo a produzir anticorpos (soldadinhos que matam os verdadeiros vírus das doenças quando eles entram em nosso corpo).

Qual foi o primeiro registro de uma vacina? A mais de 200 anos atrás, quando um médico da zona rural observou que as mulheres que tiravam leite das vacas não tinham as mãos machucadas pelas pústulas de uma doença muito comum da época, a varíola. Acreditando que as ordenhadoras que haviam adquirido das vacas uma doença semelhante, mas mais leve e, portanto, elas estariam protegidas. Então este médico fez um experimento muito arriscado para os modelos de cuidados com a saúde que temos hoje. Ele retirou a substância das poucas lesões das mãos dessas mulheres que tiravam leite e colocou/inoculou no braço de uma criança de 8 anos, que era o filho de seu jardineiro que morava ali na fazenda. Seis semanas depois, no outro braço da criança, inseriu o próprio vírus da varíola e o garoto não adquiriu a doença. Assim a primeira vacina foi criada e o nome vacina vem de Vaca por conta disso.

como é o estudo das vacinas? E o estudo da imunologia, ou seja, estudamos nossa capacidade de o nosso corpo produzir resposta imunológica (anticorpos – soldadinhos de defesa) contra as doenças dentro de nosso corpo